A FUNDAÇÃO » Personalidades

Prof. Dr. Rafael M. Pineda

O Prof. Dr. Rafael Manuel Pineda, a través de uma solicitação do decano da Faculdade de Medicina de Rosário do então, Dr. Juan Pablo Recagno Cepeda, foi o primer presidente e organizador da Fundação Ciências Médicas de Rosário que hoje leva, com justiça, seu nome. Desde o princípio, tomou o desafio de armar, projetar e consolidar uma das primeiras fundações do nosso meio, tanto pelas obras realizadas, como pelo protagonismo que alcançou na vida acadêmica, social e política do tempo.    
Ele foi descrito pelo seu genro, Roberto I. Tozzini, com palavras que devem ficar na lembrança: “Meu estimado amigo dom Roberto Nicholson, solicita-me algumas linhas para recordar ao velho leão que já descansa em sua morada eterna. Evocar a Rafael Manuel Pineda é um encargo particularmente complexo para mim pelas limitações que me impõe minha condição de filho político e permanente colaborador em sua atividade principal, que foi sua entranhável y querida vocação médica, pero dotarei de leveza a minha tarefa, apoiando-me nas frases ou nos parágrafos que alguns dos seus amigos distinguidos pronunciaram ou escreveram na ocasião de seus noventa anos o do trânsito mais além.” Muniagurria, disse sobre ele, como Presidente do Círculo Médico, dirigindo-se a uma multidão de colegas que o homenageavam: “Filho da cidade que amou, médico desde sempre, docente, presidente, acadêmico, filósofo, esteta, cidadão ilustre. Não muitos receberam as homenagens que ele colheu. Não muitos puderam dizer com a tranquilidade que mencionou: Tenho apenas recordações lindas da vida, me esqueci dos outros.” 
E Jack Benoliel, um orador, periodista e escritor insigne, expressou o seguinte: “Tudo o que amamos nele, o que admiramos nele, fica em nós. Nossas ideias, nossos escritos, nossos sentimentos y atos, e ao cumprir seus jovens noventa anos, aceitou com humildade as homenagens e manifestações de reconhecimento ou admiração que surgiam em seu entorno por sua vitalidade e entrega incluso nossos sonhos, levaram sua marca magistral.” 
Assim passou pela vida, como um Quixote cigano que avançou deixando sua pegada. Derrubou muitos moinhos de vento, seu passo gerou ondas e foi insuperável em sua força, seu entusiasmo, sua capacidade organizativa, seu sentido ético e em sua irredutível otimismo. Expressão nobre da imigração espanhola em nossa terra, foi muito patriota, fundou uma família magnífica, ergueu a cátedra universitária e exerceu com entrega e amor sua medicina. A través de sua entrega a Fundação Ciências Médicas de Rosário consolidou seu progresso.
Suas convicções católicas se expressaram em seu serviço ao próximo, sua sensibilidade social e seu desprendimento a todo bem material. Não atesourou fortuna senão amigos e morreu como viveu, lutando para não perder a qualidade de vida diante dos acontecimentos inevitáveis que o limitavam progressivamente.
Hoje, já a distância, o recordamos e sentimos saudades. Mas não existe lugar para a tristeza, porque quem o conhece bem, sabe que desde algum lugar do universo, ele está vendo esta nota com a “malícia” em seus olhos que o caracterizava. 
Sua recordação inspira para seguir adiante com a Fundação que ele fundou e ergueu em homenagem a Escola de Medicina que o desenvolveu como médico e do Hospital do Centenário que foi seu lugar de trabalho e de vida, desde estudante até os cargos mais altos que a Academia lhe outorgou.
Costumava dizer Houssay que uma jaula de ouro, com um gorila em seu interior, não brilha nem chama a atenção, mas uma de arame com um rouxinol cantando faz que tudo brilhe ao seu arredor.

¿VOCÊ QUER COLABORAR?

540341 4498353
MAIS INFORMAÇÕES

Projeto de Serviço de Nutrição

La Fundación está estudando um projeto para um novo serviço no Hospital Estadual do Centenário

AMPLIAR

Sala 6 - Unidade de Procedimentos Especiais (U.P.E.)

Brinda um novo servicio no Hospital Centenário de Metabolômica, Anantomia Patológica e Hematologia.

AMPLIAR

Projeto de Serviços de Infraestrutura de Comunicações

Rede de comunicação entre salas de cirurgia do Hospital Dia, Sala 6, Salão de multimídia e Consultório Escenário da Faculdade

AMPLIAR